Logo ali

alé-alto

O mundo celebra suas conquistas

mas não busca o que brilha nos seus olhos

respiram o bem

o perfume puro e suave

só não conhecem a flor que se dá no ar.

Os estilhaços da rosa se fazem vivos

vivo quem?

Não conheço a vida que se diz finita na beleza que passou

conheço a morte que no infinito se faz sua

Risos soltos ao seu redor

quem te circunda não te conhece.

Muito prazer, Eu Sou.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s