Simplesmente simples!

desenho-de-crianca-d

Faça a diferença no mundo! Seja o próximo CEO de 20 e poucos anos da empresa que mais cresce no mundo! Isso, aquilo, aquilo outro e vários outros “blás” que se ouvem por aí. Nada disso me chama muito atenção, ou seja, não estou louco para saber das novidades do Mark Zuckerberg e nem tenho em minha lista de livros à ler a biografia do Steve Jobs.

Na verdade, algumas coisas mais intrigantes e pessoas mais interessantes tem me chamado mais atenção como Santo Agostinho e G. K. Chesterton. No curso de Teologia e Vida Cristã que estou fazendo (saiba mais aqui http://labri.org.br/escola-de-teologia-e-vida-crista/), eu tenho aprendido bastante com exemplos de grandes seres que marcaram a história do cristianismo e do mundo em geral, esses dois que citei anteriormente são exemplos disso.

Chesterton e Agostinho são sim, exemplos pelo complexo pensamento que desenvolveram em seu tempo, mas o exemplo que quero tomar aqui não está relacionado diretamente ao que eles pensaram, mas ao que os levou a pensar. Agostinho, por exemplo, não foi convencido de seus pecados por um pregador fabuloso ou um estudo aprofundado, mas por perceber que era mau desde a infância quando pulava a cerca para roubar frutas do pomar do vizinho, já Chesterton se converteu por perceber a beleza e a bondade em coisas como o sorriso de uma criança, logo, a necessidade de agradecer a alguém por essas coisas o levou à fé em Jesus Cristo.

Reparem que foram porções simples da criação que levaram os dois a uma revelação da verdade, isso não te surpreende? Bem à mim sim, pois em nosso contexto social onde sucesso profissional, status acadêmico e sexo são o centro da satisfação humana, percebemos que um homem que é uma das bases da filosofia ocidental atual, no caso de Agostinho, prestando atenção em suas ações infantis para encontrar a verdade.

Amigos, a verdade existe e se chama Jesus Cristo! A sua revelação plena está em vários aspectos da criação, mas nas coisas mais simples é que julgo encontrar a real plenitude. Sei que esse texto está seguindo a linha de conteúdo do que escrevi em “O Imbecil”, mas fazer o que?! Ver essa galera se matando por coisas sem valor me incomoda e muito, por isso galerinha do bem, aproveitem o tempo com seus amigos, ouçam boas músicas, deitem na grama, comam fruta do pé e não deixem que o sistema desse século os domine, mas busquem a renovação da sua mente e assim o bom livro garante que poderemos experimentar qual é a boa, perfeita e agradável vontade de Deus, amém?

Advertisements

2 thoughts on “Simplesmente simples!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s